RPM

Bem-vindo à revolução do fitness sobre rodas! O RPM Cycling é diversão de grupo, com ótima música – sem competição. A instrução de um profissional durante 45 minutos lhe ajudará a ganhar terreno com ritmo e toda a energia de um pequeno concerto de rock. O RPM é um treinamento impressionante por melhorar sua capacidade aeróbia e resistência anaeróbia. A música desenha o trajeto no qual seu corpo queima calorias e fortalece seu corpo. Junto com a instrução de seu professor e a motivação de seu grupo, você experimentará subidas lentas, pequenos tiros e giros de recuperação que não representam nenhuma barreira de coordenação ou motivação.

Cada treinamento é executado em bicicletas estacionárias que maximizam a experiência indoor. Disponível com rodas fixas ou livres, as bicicletas do RPM vêm com guidão, bancos e pedais ajustáveis para maximizar seu conforto.Adequando-se a homens e mulheres, o RPM é o treinamento livre de impacto perfeito para todos os níveis de condicionamento físico. O próprio ajuste da carga permite o controle da intensidade e manutenção do ritmo. Com a ajuda de seus companheiros, explorar os seus limites físicos se torna divertido. Não importa qual seu nível, é tudo uma questão de chegarem juntos ao final. O sucesso do RPM pode ser atribuído aos seus princípios básicos: ciclismo pré-coreografado, música inspiradora e professores que vivam para o ciclismo em grupo.

Com muito giro, suor e uma indescritível sensação de liberdade, o maior programa de ciclismo indoor do Brasil e do mundo é um verdadeiro incinerador de calorias. O RPM é o único programa mundial de ciclismo indoor testado trimestralmente em uma amostra de aproximadamente 1000 pessoas entre 16 e 65 anos e elaborado por uma equipe multidisciplinar (professores, fisioterapeutas, médicos, psicólogos e outros pesquisadores). Os professores RPM passam por atualizações periódicas e a aula tem um consumo comprovadamente maior que qualquer outro similar: média de 700 calorias em 45 minutos, transformando-o no maior “calorie killer” da atualidade.

RPM em inglês significa “Rodando em Poderosas Músicas”…, mas até chegar lá você será orientado pelo seu professor RPM a potencializar habilidades para alcançar seus objetivos pessoais. Não importa qual é o seu nível de aptidão, pois chegaremos juntos no final. O RPM traz resultados para você e poderá ser o treino da sua vida… RIDING on POWERFUL MUSIC!

O RPM busca a aptidão física para o dia a dia e o bem estar. Sendo um trabalho cardiovascular ele proporciona um desafio considerável através de diferentes terrenos, cadências e posturas. Baixos padrões de coordenação e o ajuste da resistência feito pelo próprio aluno encorajam uma grande população a participar, completar o treino, atingir metas pessoais e voltar novamente. A estrutura e o conteúdo do programa geram uma demanda nos sistemas energéticos neuromusculares, ao passo que promove uma série de benefícios no sistema cardiovascular, resistência muscular e queima de gorduras.

Para os adeptos fervorosos do fitness coletivo, o RPM é um treinamento cruzado interessante e para aqueles que fazem uma atividade física mais moderada é um ótimo treinamento cardiovascular. Para quem não é habituado a prática de atividades aeróbicas, o programa é uma opção mais amistosa de iniciação ao exercício em grupo com música. Para iniciantes e para aqueles com um histórico de lesões ligadas ao alto impacto, a natureza isenta de impacto do ciclismo faz do RPM uma opção muito atrativa.

Benefícios do RPM:

Emagrecimento:

A natureza intervalada do RPM exige grande demanda do sistema aeróbio, resultando uma rápida depleção dos estoques de glicogênio. Durante o processo de recuperação ocorre aparentemente grande demanda por gorduras como fonte de energia.

Ganhos de força:

Geralmente são expressos através de uma maior resistência de força nos membros inferiores, isto é, por quanto tempo você pode pedalar e que resistência você usa. Estudos indicam que a maioria dos músculos existentes nas pernas e quadril são solicitados durante as fases do ciclo do pedal, incluindo grupos estabilizadores das costas.

Densidade óssea:

Um fator chave no estímulo para aumento da densidade óssea é a prática de atividades mais intensas do que as do seu dia a dia. Estudos sugerem que o treinamento intervalado, a exemplo do que ocorre no RPM, é um método efetivo para o aumento da densidade óssea, além dos demais benefícios relacionados a prática de exercícios aeróbios regulares.

Aumento da disposição:

O treinamento intervalado conduzido através da música estimula a secreção de hormônios (endorfinas) e promove emoções que reforçam a experiência positiva do exercício. É largamente aceito que as formas de movimento que interpretam a música dramaticamente podem também ter efeitos terapêuticos emocionais. Os alunos assíduos das aulas de RPM experimentam sentimentos como prontidão, vigor e vitalidade.

Sociabilização:

Pedalar sozinho exige disciplina e motivação própria. O contato social do RPM gera uma opção atrativa para os menos disciplinados e menos motivados. Exercitar-se desta maneira também oferece grande potencial para interagir com outras pessoas, encorajar uma experiência memorável e a aderência.

Saber o que esperar em uma sessão de treinamento:

A estrutura pré-coreografada permite que você não tenha “surpresas desagradáveis” decorrentes da cíclica falta de motivação dos professores. As aulas têm sempre uma curva de esforço semelhante e o aluno pode vir em qualquer dia sem perder o princípio da adaptação.

Evitar lesões por empirismo na elaboração do programa:

O RPM é testado trimestralmente, confirmando a segurança das aulas antes de serem ensinadas a você.

Opções para os novatos:

O RPM permite que qualquer pessoa sem restrição médica possa treinar, posto que a curva de esforço pode ser mais ou menos intervalada dependendo do aluno e da orientação individual do seu professor.

Mais atenção do professor:

A planilha de treino testada antes de você pedalar permite que o professor tenha você como foco principal, e não a coreografia da aula.

Maior consumo calórico:

O RPM é comprovadamente o maior “calorie killer” do mercado (maior consumo calórico por minuto*), consumindo médias entre 700 e 840 Kcal* por sessão devido à maior alternância de intensidades e giros do programa.