Ginástica Localizada

Uma das mais tradicionais formas de fazer exercício é a ginástica localizada. Sem dúvida, ela é uma das campeãs de praticantes nas academias. Sua denominação é colocada pela forma que é praticada, séries de exercícios priorizando grupos musculares ou segmentos articulares.

Dentro da sala de ginástica, com muita música e agitação para deixar o aluno no ritmo da malhação, o professor comanda as séries de exercícios a serem feitas e as correções para execução perfeita dos movimentos.

A ginástica localizada é uma atividade que visa o trabalho específico para aumentar a resistência muscular localizada, praticada em grupo, na qual ao ritmo da música, são realizados exercícios destinados ao aumento de tônus, resistência e flexibilidade muscular, melhora da coordenação neuromuscular, descontração e equilíbrio, bem como da postura.

Pelo fato de boa parte da aula ser de forma aeróbia, há uma melhora no funcionamento do sistema cardiorrespiratório e vascular, alteração salutar da composição corporal e alterações da funções metabólicas que acompanham o processo de envelhecimento.

O ganho de massa muscular leva o organismo a acelerar o metabolismo e, consequentemente, a consumir mais calorias, contribuindo desta forma para reduzir a gordura corporal, enquanto previne a osteoporose e a artrite, doença coronária e melhora o funcionamento gastrointestinal.

Ao nível psíquico, contribui positivamente para o equilíbrio psíquico e social dos praticantes, ao melhorar sua auto-imagem e auto-estima.

A aula de ginástica localizada dura em media 60 minutos e deve ser praticada 3 vezes na semana, para que os benefícios sejam alcançados com sucesso.